segunda-feira, 8 de março de 2010

Rita juntou-se ao grupo das Pessoas que Não Querem a Miley Cyrus nos Óscares


Os Óscares vão começar daqui a nada. Estou entretida a ver a passadeira vermelha, onde um ser aparentemente do sexo masculino entrevista esse outro ser que é a Miley Cyrus (reparar neste beicinho... eh pá... 16 anos e já usa botox? Mas que mundo este...).
Os Óscares são o que são, mas eu pensava que ainda tinham levemente a ver com o cinema. Já vi que não.
A Miley Cyrus?! A Miley Cyrus.
Vou passar o resto da noite a tentar perceber porque é que isto me irrita tanto.
A Miley Cyrus... mas ... ?
Ah, e espero que ganhem os Coen, que nitidamente estão entre os nomeados para dignificar o acervo de filmes deste ano, que é assim um bocadinho paupérrimo e óbvio.
A Miley Cyrus...?

4 comentários:

José disse...

Acho que é a primeira vez em vários anos em que estou acordado, e não ligo a tv para ver os óscares. Não há ali nada que me interesse, um aborrecimento.

Quanto À Miley, eu acho-a um docinho, mas mete-me um bocado de medo. Especialmente quando se ri. Não sei, há ali algo de extremamente vil. Quero ver a adulta em que ela se irá tornar. Será ainda mais assustadora?

Rita F. disse...

Tens razão, Zé. Eu adormeci passado cinco minutos daquilo começar. Foi particularmente pobrezinho, este ano, mas mesmo assim vou escrever sobre uma coisita que eu gostei.

A Miley... eu não consigo ultrapassar o facto de ela ser um ser. Não gosto de crianças ou adolescentes que tentam queimar etapas, com aquele ar pesadão. A miúda é gira, é bonita, e seria ainda mais gira se fosse mais natural.
Ela em adulta, meu Deus, aposto que vai ser de facto muito assustadora. Vil, como tu dizes. Aos 20 anos, deve estar como a nossa Norma Desmond, mas pior (sim, porque a Norma Desmond, apesar de tudo, tem uma grande classe).
Cumprimentos para si, sim? :)

José disse...

Olha, tu viste o princípio e eu o fim. Ando com os horários trocados, carambas!

A Miley é uma coisa horrorosa, não sei. Espanta-me que as pessoas que podiam ter influência no decorrer da vida dela não vejam isso, não lhe diga: «olha, mor, agora pareces um monstrinho, salva-te enquanto é tempo». Não sei. É tudo tão complexo!

Eu amo a Norma. Há entrevistas à Gloria Swanson, loira, no youtube. Já viste? Que estilo, que doçura, que elegância!

Cumprimentozinhos :)

Rita F. disse...

Tenho absolutamente de ir ver essas entrevistas. Querida Gloria...